Você está aqui
Home > Formula 1 > Lewis Hamilton Soma e Segue

Lewis Hamilton Soma e Segue

 

Lewis Hamilton tornou a vencer no Mundial de Fórmula 1, mostrando que está cada vez mais com a mão no quarto título mundial da categoria.

A Mercedes tornou a sentir o sabor da vitória no Grande Prémio dos Estados Unidos, após mais uma performance quase perfeita do seu chefe-de-fila, Lewis Hamilton. O inglês ficou ‘a dormir’ no arranque, sendo batido por um Sebastian Vettel sedento de vitórias que, em antítese, teve na resposta ao semáforo verde o seu momento alto por ‘terras do tio Sam’.

A liderança de Vettel e da Ferrari durou poucas voltas. Chegada a altura em que Lewis Hamilton mostrou ao que vinha, o britânico passou o alemão e foi embora. A partir daí, o britânico geriu, velocidade, mecânica, pneus e controlou a distância e o desempenho que o seu principal adversário ia tendo na prova. Como se diz na gíria atual dos comentadores de futebol, Hamilton ‘controlou com bola’, ou seja, a partir do 1º lugar.

Foi pois com naturalidade que chegou primeiro e com cerca de dez segundos de vantagem sobre Sebastian Vettel, que terminou a corrida como a começou, em altíssimo nível. O piloto da Ferrari jogou bem na estratégia e, nas voltas finais, foi recompensado pelo seu risco. Chegou onde era possível, ao segundo lugar, que mantém a chama do título cambaleante mas viva.

Max Verstappen foi terceiro, ou pelo menos na pista foi assim que acabou. O piloto da Red Bull fez um ‘corridaço’, depois de sair de 16º. No entanto, o empenho em recuperar posições passou dos limites – da pista – quando foi hora de superar Räikkönen e a mão pesada do Diretor de Prova fez-se sentir. O piloto da Ferrari defendeu a sua posição de forma, digamos que, demasiado musculada, mas o que é fato é que, forçado ou não, o holandês consumou a ultrapassagem com uma ligeira excursão para lá da linha branca. Acabou pois, por ser o finlandês da Ferrari a ir ao pódio, juntamente com Hamilton e Vettel, enquanto Max Verstappen caíu para 4º.

Race_Start_USA
Hamilton_Race_2
Podio_USA
Ferrari_Pre_Race_1
Raikkonen_Race
Verstappen_Race
Bottas_race

Valtteri Bottas levou o segundo carro da Mercedes ao derradeiro lugar do top cinco. O finlandês tornou a estar longe  do que já mostrou este ano ser capaz de fazer, apesar de essencialmente continuar a ‘carimbar’  pontos para a Mercedes nos Construtores.

Quem também esteve em alta no Circuit Of The Américas foi Esteban Ocon, que levou a Sahara Force India até um brilhante 6º lugar. Bom ver os pilotos dos carros cor-de-rosa a andarem para a frente. Sérgio Perez foi oitavo, completando a boa performance da equipa.

Carlos Sainz Jr. mostrou na prova de estreia na Renault que os franceses não podiam ter escolhido melhor companhia para Nico Hulkenberg. O espanhol esteve muito bem todo o fim-de-semana e guardou a sua melhor prestação para a corrida. Nico Hulkenberg não foi feliz, acabando por abandonar mas, mais para a frente, com um carro uns ‘cheirinhos’ mais competitivo e com estes dois pilotos, podemos ver os ‘amarelos’ lá bem na frente.

Felipe Massa foi nono, trazendo bons pontos para a Williams, na frente de Danil Kvyat que entregou um top 10 à Toro Rosso. O russo mostrou que lhe fez bem o castigo da equipa, voltando a exibir-se a um bom nível.

Fotos: Mercedes, Red Bull (Getty Images), Ferrari

Facebook
Twitter

 

Artigos Semelhantes

Top